Conecte-se Conosco
 

Distrito Federal

Polícia apura morte de três crianças afogadas em lagoa do DF

Publicado

em

Os irmãos estavam dentro de um carro que caiu na Lagoa do Japonês, perto do PADEF. Condutor que fez a manobra, causando o acidente, fugiu. Horas depois, foi localizado e detido pela polícia

Por Ricardo Dahen / Correio Brasiliense Uma verdadeira tragédia ocorreu na tarde de sábado (29/7) em um local conhecido como Lagoa do Japonês, na região rural do PADEF. Três crianças estavam a passeio com a mãe, a avó e um outro adulto, mas, no momento em que iam embora, o carro caiu na água com todos dentro. Dois meninos, de 4 e 3 anos, e uma menina, de 1 ano, morreram afogados ao não conseguirem sair do veículo a tempo. O condutor, que teria feito a manobra que provocou o acidente, fugiu do local na hora. Mas foi localizado pela PM de Goiás e levado no início da noite para a delegacia de São Sebastião, onde o caso é investigado. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) atendeu a ocorrência por volta das 15h. Foi acionado através do 193, por populares, que viram o acidente. Quando as primeiras equipes chegaram ao local — uma área rural distante, cuja unidade mais próxima é a 17° GBM, em São Sebastião — encontraram uma das crianças já fora da água, a de quatro anos. Mas foram avisadas de que outros dois menores estavam desaparecidos.

A equipe de mergulhadores do CBMDF iniciou as atividades de resgate e encontraram o veículo, um Gol, submerso a cerca de 4 metros de profundidade e uma outra criança no interior do automóvel, a de três anos, já sem sinais vitais. Segundo a avó dos menores, Maria Adva Antônio de Jesus, de 56 anos, por volta das 15h, ela foi à Lagoa do Japonês com a filha, os três netos e um amigo da família, que estava dirigindo o carro. Depois de alguns minutos no local, na hora de ir embora, o motorista teria errado a marcha do veículo, que caiu.

Justiça

As operações de mergulho e resgaste continuaram e, em um raio de 150 metros do veículo, localizaram a menina de um ano de idade. Ela foi achada boiando, depois de mais de uma hora desaparecida. A avó, na delegacia, relatou ao Correio que tinha ido passear com os netos no sábado. E que o condutor do automóvel é um conhecido, mas que não sabia onde ele tinha ido depois da tragédia.

Segundo ela, o motorista teria ingerido bebida alcoólica. A mãe das crianças mora em São Sebastião. Mas avó e o amigo em Cristalina, Goiás. “Foi uma tragédia. Ele não faria por querer. Não estou com raiva, mas com certeza ele terá de responder à Justiça”, disse Maria Adva. O condutor do veículo é um amigo de 30 anos da família. “Ele tentou reanimar o menino, quando conseguiu tirar da água, mas não deu”, acrescentou. Ela confirmou que tinham bebido cerveja.

Maria Adva contou ainda que o pai das crianças está preso. E a filha dela está muito atordoada com a perda. “Estou me aguentando para dar ajudar a minha filha. Uma pancada muito dura perder três filhos”, disse emocionada.

Por volta das 20h de ontem, o condutor do veiculo prestou depoimento na delegacia de São Sebastião. Ele não teve o nome completo revelado. É um homem de 52 anos e agora está preso. Ele que tirou uma das crianças do carro. Foi localizado numa fazenda próxima, onde trabalhava.

Orientado pelo advogado, o homem teria ficado em silêncio durante o depoimento. Até o fechamento da edição, não haviam outras informações sobre a oitiva dele.


Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Continue Lendo

Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading

Iniciar Conversa
Oi, Sejam bem vindo(a) a nossa TV!
Olááá! Obrigado por assistir a TV CRIAR !!!