Conecte-se Conosco
 

Celebridades

Luana Piovani alfineta Carolina Dieckmann: “Fez o mesmo comigo”

Publicado

em

A atriz compartilhou um vídeo onde a colega de profissão defende Luisa Sonza e lembrou a época em que foi agredida por Dado Dolabella

Matéria de Fábia Oliveira / Metropoles   A coisa não anda boa para o lado de Carolina Dieckmann. Após ser exposta pela astróloga Monica Buonfiglio, que a chamou de “grosseira”, a atriz recebeu uma alfinetada de Luana Piovani, que compartilhou um vídeo da colega de profissão e recordou comentários feitos na época em que foi agredida por Dado Dolabella, seu então namorado.

Ao compartilhar as imagens, Luana escreveu: “Maturidade é tudo, né? Você fez o mesmo comigo, mas eu tinha apanhado”. Na gravação Carolina faz uma análise sobre mulheres que são vítimas e ainda precisam rebater críticas.

“Estava vendo a história da Luísa Sonza e me pergunto: até quando uma pessoa que sofre alguma coisa, ou uma traição ou qualquer coisa, ela, além de tudo, tem que rebater críticas por estar em uma situação vulnerável?”, começou a atriz.
E continuou seu relato: “Não entendo muito e fico me perguntando da onde vem esse clique da maldade? A primeira coisa é falar mal, é atacar uma pessoa que já está sofrendo”.
Carolina ainda foi além: “A menina fez uma música, estava apaixonada, uma menina linda, e sofre uma violência dessa. O Brasil inteiro vendo e a pessoa ter que dar explicação, e se sentir ainda mais atacada. ‘O que eu posso fazer? Mando um coração? Dou uma força?’. Não, vou lá atacar. De onde vem esse sentimento de atacar alguém que está sofrendo?!”. Para quem não recorda, Luana e Dado namoraram entre 2006 e 2008. Mas o relacionamento acabou em agressão e denúncia à Justiça. Em 2014, o ator foi condenando pela Lei Maria da Penha por agredir fisicamente sua então namorada e a camareira da atriz. A pena imposta foi de dois anos e nove meses em regime aberto por danos morais. Quatro anos após a condenação, durante uma live, Luana contou o que Carol teria dito na época. A atriz sugeriu que Dado e Luana deveriam ter “lavado a roupa suja em casa”. “Carolina Dieckmann é bonita, estudada, inteligente, tem informação, é viajada, mãe de homem… Não tem menina, mas está criando dois homens para botar no mundo. Sabe o que ela falou quando eu fui agredida? Então eu vou contar pra vocês! Ela falou assim: ‘Boate não é lugar de brigar. Eles deveriam ter ido pra casa’. Não é sensacional?”, disparou Luana, na época.

Treta com astróloga

E o trelelê entre Monica Buonfiglio e Carolina Dieckmann parece estar longe de terminar. Após ser chamada de “grosseira” pela astróloga, a atriz resolveu responder e recebeu uma resposta pra lá de analítica. Ao saber da “defesa” da loira, a espiritualista gravou um novo vídeo para seu canal no YouTube, no qual destacou os postos do posicionamento e rebateu todos. “Até anotei pra falar bem certinho o que você respondeu. Você começa assim: [falando] que eu estava te difamando. Eu não te difamei, eu apenas disse o que aconteceu quando eu fui participar do programa da Xuxa”, começou ela. Em seguida, Monica Buonfiglio destaca outro detalhe: “Inclusive, [disse] que eu pedi para espalhar o vídeo que eu falei falando de você. Carolina, para de pensar tanto com teu umbigo. Todo vídeo que eu gravo, peço pras pessoas fazerem a inscrição no canal. Não é só o teu, meu amor, eu peço em todos os vídeos, tá bom?”. A astróloga ainda rebateu o fato de ter sido chamada de mentirosa: “Aí, você fala o seguinte: que essa história que eu relatei não é verdade. Você está dizendo que estou mentindo e vou dizer pra você que essa história é verdade e você sabe que é. Se tivesse acontecido com um homem e esse homem tivesse bêbado, eu concordaria: homens esquecem com mais facilidade. Mulher não esquece, Carolina. A gente sabe até o sapato que a gente tava numa festa, num evento. A gente sabe, mulher lembra de tudo”. E seguiu com seu relato: “Você sabe, o que você não quer é dar o braço a torcer. Porque se você lembrar do que aconteceu aquele dia, você vai lembrar que, sim, você tinha o meu tarô e não quer dar o braço a torcer. E, sim, você vai lembrar que foi mal-educada. Por isso não vai fazer questão de lembrar”. Logo depois, Monica contou como era o local onde estavam: “Outra coisa que você falou que você queria privacidade. Vamos relembrar os fatos: nós estávamos num camarim muito pequeno. Então, você abriu o camarim, tinha o guarda-volumes, um banheiro e dois sofás, um na frente do outro. Quando eu entrei com meu marido, na época, estávamos sozinhos e tinha uma mesa de comida. Eu saí pra fazer minha maquiagem, meu cabelo, e meu ex-marido, meu marido na época, ficou lá esperando. Você entra com um amigo, começa a brincar de tarô”. E continuou: “Quanto eu entrei no camarim, que fui pegar uma uva e olho no sofá, você estava jogando meu tarô. Você lembra disso, Carolina. Para de ser boba, você não tem 12 anos, você lembra. Eu olho pra você e falo ‘nossa, o meu tarô’. E você fala o quê? ‘Não, é meu’. Eu ainda, porque sou educada, você nem tanto, mas eu sou, falei ‘nossa, é o meu tarô’. E você, de novo: ‘Não, fui eu que comprei’, bem grossa, de novo”, disparou, antes de completar: “Eu tiro um tarô meu da bolsa, mostro pra você e você: ‘Nossa, é mesmo. É o seu tarô, né?’, mas com aquela cara de brava e vira a cara pra mim. Houve um constrangimento. Meu ex-marido tirou uma foto e ele tem essa foto. Estou constrangida na foto. Mas você foi bem deselegante, como você é. Carolina, eu joguei no Google lá quem é a pessoa mais mal-educada como atriz e apareceu você. Tem vários sites que dizem que você é bem mal-educada, você tem fama de mal-educada, não adianta”. Na sequência, a espiritualista ainda falou sobre a beleza de Carolina: “Não confunda beleza, você já foi mais bonita, agora você tá fazendo harmonização, tá ficando feio. Você tem que parar um pouquinho, mas você já foi mais bonita. Eu como nunca fui, pra mim tanto faz. Então, não fica se prendendo a tua beleza. As pessoas bonitas acham que a gente fica devendo favor porque é bonita. Você já foi, não tá mais. Então toma cuidado”. Ela aproveitou para comentar a declaração da atriz, que se sentiu invadida: “Você estava num sofá tirando tarô, meu marido estava na frente de você, ele tava ouvindo tudo. Então, por isso que eu acho que você nem tava jogando tarô, você devia treinando. Se você quisesse privacidade, você ia onde? No lugar onde estavam as malas guardadas, no guarda-volume, que era um pouquinho mais afastado”. E analisou: “Quando eu entrei, fiz aquele comentário e você me deu aquela patada, aquele coice, que é natural a tua pessoa. E outra coisa: eu lá vou perder tempo querendo saber da sua vida? Não, né, meu bem? Ô, Carolina, eu nem assisto novela, sabe por quê? A grande maioria do povo brasileiro acorda cedo, vai trabalhar, e você só faz isso da vida. Então, enquanto você está aí, entre uma novela e outra, que você não faz nada e fica na sua casa em Miami, a grande população brasileira tá na luta, trabalhando”. Sem papas na língua, Monica ainda comparou a atriz com um animal: “E outra coisa, deselegante, porque você é uma égua. O que você fala? ‘Monica, seus anjos devem estar se perguntando: esse é o jeito mais legal de agir?’. E eu pergunto, dona Carolina Dieckmann: essa é a forma mais elegante que você teria falado pra mim naquele dia? Seus anjos devem estar falando não. Não adianta você perguntar pros meus anjos, eles nem estão aqui. Sabe onde estão meus anjos, Carolina? Eles devem estar lá na Palestina, em Israel, tentando encontrar alguém que pode estar soterrado. Os meus anjos não ficam perdendo tempo com fofoquinha, com essas bobagens da tua vida”. Monica, então, disparou: “Na verdade, dona Carolina, eu tô cag*ndo pra tua vida. Tô cag*ndo ponto e meio. Eu não sei a hora que você nasceu, mas puxei seu mapa astral. Você nasceu em 16 de setembro de 78. O seu kiron tem o touro em mau aspecto. Ou seja, você não tem autoconfiança e faz muito sentido. Porque toda pessoa que é estúpida com outro, que é grosseira com outro, no fundo ela tem baixa autoestima, e você tem. Não é verdade? Pergunta pra um psicólogo”. Seguindo com a avaliação do mapa astral da artista, ela contou: “Outra coisa que descobri, dona Carolina: as pessoas nascidas em 16 de setembro tem o anjo da guarda número 35. No gênio contrário, que é o lado feio da pessoa, sabe o que domina? O deboche, a antipatia. Acho que você tá usando muito seu gênio contrário”. Como é mãe de santo, Monica falou sobre as entidades: “Fui tentar ver seus Orixás, você nasceu num sábado. Aí eu pensei: ‘Caramba, será que ela é filha de Oxum ou de Iemanjá?’. Aí, eu falei: ‘Acho que não. A minha mãe Oxum, que é tão linda, e a minha mãe Iemanjá não iam ter uma filha tão grosseira assim. Nem vou pesquisar’. A astróloga deu dicas para Carolina: “E vendo seu mapa astral, pede conselhos pra Preta Gil, sua amiga. Porque pessoas que têm muita ruindade, que são muito grosseiras, acaba comendo a gente por dentro. Muitas vezes eu defendi você, quando as pessoas falam de você, eu defendia. Porque eu era boba, eu tava errada”. E ainda fez um alerta: “Toma cuidado com a garganta, intestino e estômago. Estou avisando como amiga, dando uma olhada no teu mapa. Uma pessoa que se diz atriz não vai lembrar que me tratou mal? É claro que lembra, você tem é vergonha de assumir que me tratou mal”. E finalizou: “Dona Carolina, termino a gravação: [banana] pra você. Um abraço, tomara que eu nunca saiba da sua vida e você, sinceramente, não saiba da minha. Toca sua vida lá, eu toco minha vida daqui. Vai pra lá, que eu vou pra cá. Espero que a gente nunca mais se encontre”.

Entenda o caso

Carolina Dieckmann rebateu uma acusação da astróloga Monica Buonfiglio, que disse ter sido tratada com grosseria por parte da artista. Segundo a profissional, a situação teria ocorrido nos bastidores de um programa apresentado por Xuxa Meneghel. “Ela foi de uma grosseria, me deu uma patada, que eu praticamente caí no palco da Xuxa de bunda. Ela foi tão grosseira, que a fama de grossa que tem realmente faz jus à grosseria da Carolina. Aquela carinha de bonita que ela tem…”, relatou a astróloga, em um vídeo que circula nas redes sociais. Com a repercussão do vídeo, Carolina Dieckmann decidiu falar sobre o assunto. “O meu Instagram, este espaço que a gente tem, onde coloco fotos, escrevo coisas e me comunico com muitos de vocês, é um espaço para isso, mas muitas vezes é também para eu falar sobre alguma mentira ao meu respeito ou sobre alguma coisa que acho que seja bom explicar”, começou a atriz. Ela continuou: “Não entendo que bondade é essa que faz alguém difamar o outro, porque quando a gente é bom e alguém faz alguma coisa ruim, metabolizamos de outra forma. Não é vindo aqui falar mal, nem espalhando nada. A gente deseja que a pessoa melhore e evolua”, opinou. A atriz afirmou nem se lembrar da situação. “Nem me lembro da última vez que fui ao programa da Xuxa. Faz uns 20 anos, talvez? Não sei! Enfim, uma história muito antiga. Se há 20 anos eu a tratei de um jeito que ela não gostou, talvez tenha me sentido invadida”, falou. E completou: “Enfim, não posso dizer que não aconteceu, porque 20 anos atrás, realmente… Não lembro do que aconteceu ontem, imagina 20 anos atrás. Não acho que aconteceu, porém pode ter acontecido e eu posso ter me sentido invadida”, continuou Carolina Dieckmann. A atriz ainda aproveitou para deixar um recado direto para a astróloga. “Seus anjos todos devem estar aí do seu lado se perguntando: ‘Será que esse é o jeito mais legal de você agir?’. Você que diz que eu, Daniel, Daniela Mercury e sei lá mais quem, porque não vi todos os seus vídeos, devemos melhorar espiritualmente, será que você também não precisa? Porque, sinceramente, não acho isso que você fez uma atitude de alguém que está buscando evolução, mas isso é só o que eu acho”, finalizou Dieckmann.


Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Continue Lendo

Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading

Iniciar Conversa
Oi, Sejam bem vindo(a) a nossa TV!
Olááá! Obrigado por assistir a TV CRIAR !!!