Conecte-se Conosco
 

Distrito Federal

Cigarro eletrônico: Mesmo com venda proibida, DF tem o maior consumo de ‘vape’ do país

Publicado

em

Por g1 DF

Distrito Federal é o local onde mais se consome cigarros eletrônicos no Brasil. A venda do produto foi proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 2009 mas, mesmo assim, o uso dos vaporizadores ou produtos de tabaco aquecido – os “vape” – não para de crescer e ele é facilmente encontrado na porta de bares, casas de shows, ou pela internet.

Segundo o Ipec, um instituto de pesquisas de mercado, entre 2018 e 2022 o número de pessoas que usam o cigarro eletrônico quadruplicou no país. Passou de 500 mil consumidores para 2,2 milhões.

Brasília é a unidade da federação onde o consumo mais aumentou. Passou de 0,8% da população adulta para 4,5%.

Atualmente, cerca de 80 países, como Estados Unidos, Canadá, Japão, Nova Zelândia, além de membros do Reino Unido e todos os países da União Europeia, já avançaram na regulamentação do uso. No Brasil, o assunto segue em discussão na Anvisa.

A pesquisa do Ipec também mostra que cerca de 6 milhões de fumantes já experimentaram o cigarro eletrônico no Brasil – o que representa 25% do total de fumantes. O dispositivo foi lançado como uma alternativa para quem quer largar o cigarro convencional.

Mas a Sociedade Brasileira de Pneumologia alerta que, além da nicotina, ele tem mais de 2 mil substâncias químicas tão nocivas quanto as encontradas nos cigarros de papel.

Segundo uma pesquisa do Instituto Nacional de Câncer (Inca), o uso do cigarro eletrônico aumenta quase três vezes o risco da pessoa experimentar um cigarro comum. Outra preocupação dos cientistas e médicos é com a presença da nicotina nesses dispositivos.

“Como eles são vendidos de forma ilegal, não dá para saber ao certo qual a quantidade da substância nos aparelhos”, aponta a chefe de Divisão de Avaliação de Tecnologias em Saúde (DATS), do Instituto Nacional de Câncer (Inca), Laura Barufaldi.


Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Continue Lendo

Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading

Iniciar Conversa
Oi, Sejam bem vindo(a) a nossa TV!
Olááá! Obrigado por assistir a TV CRIAR !!!