Conecte-se Conosco
 

Sem Vergonha

Anel peniano: saiba mais sobre os usos e cuidados do objeto que promete prolongar a ereção

Publicado

em

Popular até entre famosos, objeto causa curiosidade nos homens — e merece ser desmistificado. Especialistas detalham o uso e os cuidados

O mundo sexual anda cada vez mais complexo cheio de novidades. Objetos e informações antes vista como tabu, agora são explorados com maior liberdade. Uma “novidade” para alguns homens é anel peniano, que começa a se popularizar — até mesmo entre as celebridades. O cantor britânico Elton John, por exemplo, compartilhou que ganhou o objeto de presente do rapper Eminem (de presente de casamento). A peça teria até diamantes cravejados.

Mas afinal de contas, para que serve o anel peniano?

Segundo o urologista Ricardo Ferro, o acessório tem como as principais indicações de uso, a melhora da disfunção erétil, ou seja, da impotência sexual e para tentar melhorar o tempo de ejaculação, ou seja, para tratamento da ejaculação precoce. A psicóloga Carla Maria Gomes Ribeiro, especializada em sexologia humana, completa que existem vários modelos e tamanhos de anéis penianos, sendo que o ideal é utilizar o modelo mais confortável, flexível e do tamanho ideal do pênis. “Não se recomenda um anel que aperte demais a base do pênis. Os modelos de silicone darão mais conforto no uso, além da facilidade na colocação e na retirada.  Já os de metal corre-se um maior risco de causar danos na base do pênis e na circulação sanguínea”, alerta.

O uso na prática

“Eles (os anéis penianos) promovem uma retenção do sangue venoso no pênis e isso, em tese, poderia melhorar o ingurgitamento do pênis e manter uma ereção mais prolongada. Eu falo em tese porque do ponto de vista de trabalhos científicos nós não temos evidência que esse é um mecanismo com função bem definida. E no caso da ejaculação rápida seria realmente diminuir a sensibilidade”, explica Ricardo Ferro. Embora o acessório seja um grande aliado na hora do sexo, é importante ressaltar que alguns cuidados devem ser tomados. Carla Maria adverte que o anel peniano deve ser usado por um período de até 20 minutos, no tamanho adequado ao pênis, sem apertar demais a base, além dos cuidados na higiene do acessório. “O uso prolongado e a frequência pode dificultar a circulação sanguínea no pênis. Por isso, após o uso é sugerido massagear a base do pênis para que o fluxo sanguíneo retorne ao normal”, sugere a psicóloga. Ferro acrescenta que o uso prolongado pode também desenvolver lesões de pele, ou às vezes, excepcionalmente, até da uretra, que fica na parte inferior do pênis. “O próprio aprisionamento do sangue causado pelo uso do anel pode também gerar uma piora na disfunção erétil, na impotência sexual”, afirma o urologista. Gabriela Moura, proprietária da Dama Lingerie e do sexshop Secret Room, destaca que existem algumas variações do acessório. “Tem o que vem com um micro vibrador acoplado que serve tanto para estimular o clitóris da mulher quanto o próprio testículo do homem. E tem também uma versão que é o anel peniano e o plug anal juntos, ou seja, uma dupla estimulação masculina: no pênis e no ânus”, pontua.


Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Continue Lendo

Descubra mais sobre TV Criar Entretenimento

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading

Iniciar Conversa
Oi, Sejam bem vindo(a) a nossa TV!
Olááá! Obrigado por assistir a TV CRIAR !!!